João 3:16

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.

João 3:16

feedturbo

PESQUISE

Translate

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Poesia Evangélica

Poesia Evangélica


Poema ao que sofre, de Joed Venturini

Posted: 30 Dec 2015 01:00 AM PST


Ao Que Sofre

Aqui estou novamente olhando o céu
Outras vezes me encontras-te andando ao léu
Em meio à solidão, em meio à dor
Eu tento ver o teu amor
Então percebo que nunca foste embora

Tenho tentado ter vitórias, mas é fardo pesado

Reconheço que minhas glórias são coisa do passado
Teu Espirito ainda repousa em mim
Tua palavra mesmo o disse assim
Então porque me sinto tão desanimado?

No entanto, olho a cruz de dor e vejo tua tortura

E Tu crucificado ali em forçada postura
Recordo toda aquela maldição
O sofrimento, a vergonha, a perdição
Que Tu passaste para me dar vitória

Aquieto a alma e ouço Tua voz falando com dulçor
Como brisa suave que vem me aliviar a dor
Também tiveste uma hora de terrível escuridão
Mas logo veio o dia alegre da ressurreição
E Tu vences-te a morte
Percebo que o ar sufocante deste nosso mundo
Pode nos querer derrubar, levar ao fundo
Mas depois da tempestade o sol aparece
Enche o céu de brilho e nos aquece
Tal como tua paz eterna

O choro pode durar uma noite longa e penosa
mas a alegria virá pela manhã sempre radiosa
E aprendo a louvar em meio à dor
Em ti posso ser mais que vencedor
E celebrar a cada dia a Vida!


Sebastião! (o que todo pastor precisa)

A noticia chegou cedo numa manhã clara e fria
Durante a noite morrera o irmão Sebastião
O jovem pastor suspirou fundo do trabalho que antevia
Tinha que preparar o funeral, organizar a reunião

Era pastor há pouco tempo, seria seu segundo sepultamento
Conhecia mal a igreja, as pessoas, o falecido
Tinha dificuldade em pensar no que dizer naquele momento
Na verdade aquilo tudo o deixava aborrecido

Não sabia quem fora o tal Sebastião, de avançada idade
Era apenas mais um idoso que ostentara o título de crente
Aos olhos do pastor representava pouco na comunidade
Acreditava que o funeral arrastaria pouca bem gente

Mas eis a surpresa, o pequeno templo transbordou
Não cabia dentro todo o povo que queria entrar
As janelas se encheram logo que o interior lotou
Parecia que toda a cidadezinha queria participar

O pastor atônito ia ficando mais e mais nervoso
O velhinho que morrera era naturalmente estimado
Mas o que falar a respeito desse idoso
Desconhecido para ele, mas de tantos bem amado?

Bem na hora do funeral começar um ancião entrou
Todos o cumprimentaram com afeto e emoção
O pastor apesar de jovem logo reparou
Toda a alegria do povo, toda a comoção

O ancião chegado era da igreja o antigo pastor
Amado pelo povo, respeitado pela idade
De fala mansa, jeito humilde, respeitador
Ao jovem ministro se apresentou com gravidade

Fora pastor naquele local por mais de trinta anos
Conhecia bem aquele que agora morto, juntava a multidão
Não queria atrapalhar do nobre pastor os planos
Mas poderia dar uma palavra sobre o velho Sebastião?

O jovem pastor viu ali uma intervenção salvadora
Estava livre de uma difícil situação
Deu ao ancião o lugar e a palavra redentora
E quedou-se em silêncio e admiração

O pastor maduro liderou com simplicidade
Nada de pompa, nada de ostentação
Mas cada palavra transpirava sinceridade
Todos apreciavam com a devida gratidão

Sebastião foi um exemplo de vida, e de serviço
Dizia o ancião visivelmente emocionado
Sempre o conheci amigo leal e crente submisso
Pronto para o trabalho e para estar a nosso lado

Estava presente em cada culto e reunião
Mesmo cansado, doente ou com dificuldade
Podia-se ver sua dedicada consagração
Numa vida honesta e de integridade

Mas o que mais me marcou como pastor
O que tornou Sebastião tão querido e especial
Foi o gesto repetido sempre com fervor
E que mostrava um carinho todo paternal

Sebastião se chegava a mim muito gentil
No fim de cada culto ou atividade
Se inclinava com um gesto varonil
E cochichava em meu ouvido com gravidade

Necessita de mim para alguma coisa pastor?
Estou pronto para o que de mim precisar
Sabe que estou sempre a seu dispor
Basta dizer, pedir ou mesmo ordenar

E cada vez que dele algo solicitei
Prontamente o realizou com toda disposição
Desde o trabalho físico que precisei
Até viagens ou mesmo algum serão

No meu ministério ao longo da vida
Tive todo tipo de ovelhas ao meu cuidado
Umas me deram não pouca lida
Outras me trouxeram o coração atribulado

Mas Sebastião foi sempre motivo de louvor
Um servo de Deus pronto a servir
Enchia-nos a alma de dulçor
Permitia-nos um suave e descansado dormir

Por tudo isso nesse dia de saudade
Nos despedimos chorando mas com confiança
Sebastião deixou o mundo e sua maldade
Está hoje no céu, nossa alegre esperança

Louvamos por sua vida, por seu exemplo
Agradecemos a Deus por sua companhia
E se agora através de um véu contemplo
Logo o verei na glória cheio de alegria

Assim terminou o culto e a multidão dispersou
O caixão foi colocado em seu devido lugar
O pastor ancião à sua procedência voltou
O pastor jovem se colocou a meditar

Tão pouco sabia do velhinho que morrera
Tão grande fora sua rápida presunção
Que por não ser grande o personagem que falecera
Nada haveria para dele falar na reunião

Mas que verdade aprendera nessa oportunidade
Que lição tirara de todo o evento
Não se deve julgar com brevidade
O que se desconhece até o momento

E antes da noite terminar o jovem pastor
Pôs-se de joelhos em humilde oração
Clamou sincero ao seu grande Senhor
Põe em minha vida pelo menos um Sebastião.

Visite os blogs do autor:
http://joedblogosfera.blogspot.com.br/
http://poesiasecontosevangelicos.blogspot.com.br/
http://www.joedventurini.blogspot.com.br/

domingo, 27 de dezembro de 2015

Palavra Fiel Blog - Mais um estudo da Palavra de Deus

Enquanto não assumirmos que existem problemas que não temos condições de resolver, que temos dificuldades que são intransponíveis para nós, que somos fracos para algumas questões e reconhecermos que dependemos da ajuda de Deus para conseguirmos sobreviver e continuar em frente, iremos continuar carregando sobre os nossos ombros dificuldades que não deveriam estar mais conosco.

Continue lendo o texto...

sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

Poesia Evangélica

Poesia Evangélica


Vídeo: John Piper declama seu poema natalino "O Estalajadeiro"

Posted: 25 Dec 2015 12:00 AM PST

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Poesia Evangélica

Poesia Evangélica


J.T.Parreira: (Poemas) Do Natal

Posted: 23 Dec 2015 09:17 AM PST


POEMA DE NATAL NO GUETO

As barbas do pai Aarão não poderiam
destilar os óleos do bálsamo antigo. Nas bocas
já não cabiam salmos, nem gritos, o silêncio
era um tesouro contido, no gueto de Varsóvia.

No início ainda dobravam o azul
dos lençóis, faziam contas ao zloty 
guardado sob as ripas do soalho. 
Passavam pelas ruas porque havia
sempre alguém a vender alguma coisa
sem o brilho do passado, quando se podia
abrir a janela e cantar para a rua e
desenrolar os rolos da Torah em alta voz.

Não há uma estrela de natal, fria
com filamentos de lume por dentro, ninguém
festeja em torno de um presépio, outra metáfora
alimenta a fé, a Hanukkah, as luzes
e as sombras, caem em silêncio 
pelas faces dos judeus.


PARA ENCONTRAR A CRIANÇA ENVOLTA EM PANOS

Deus pôs no céu a mão a guiar uma estrela
No meio de lugar nenhum
Que é o espaço indecifrável da noite
A luz era o único lugar visível, não se via
A mão que a guiava, foi com surpresa
Que a viram estacionar os anos-luz
Sobre um discreto estábulo de Belém.


O ANÚNCIO DO ANJO A MARIA

"Quem és tu, ó moça, e que parte é esta que Deus
Em ti se reservou" - Paul Claudel

Nunca terás outro dia assim, não temas
aceitá-lo como a virgem que aceita
o toque profundo 
da leveza da luz no útero, O divino a ser gerado. 
Deus pode revelar assim o seu Amor
feito carne, sangue e ossos, no seu Filho.


NOCHEBUENA

Tenho de admitir que as minhas rótulas não suportam
senão penosamente as subidas, o peso da leveza do meu corpo
nas duas pernas já não se debruça facilmente 
para apanhar o que os dedos não enlaçam, nem sobe
já aos bancos para colocar cristais na árvore de natal. A última
estrela que pus, perdeu-se no buraco negro dos tectos
das casas que habitei, mais uma
Noite de Natal com os netos por Continentes divididos.

domingo, 20 de dezembro de 2015

Poesia Evangélica

Poesia Evangélica


O Mistério do Natal - Gilberto Celeti lança livro com poemas natalinos

Posted: 20 Dec 2015 01:30 AM PST


Uma das datas mais significativas no ocidente é a do nascimento de Jesus Cristo. Embora seja uma data ato marcante, com o passar dos anos, vários elementos foram introduzidos na comemoração desta festividade.
O que é o Natal? Qual é o mistério deste acontecimento que precisa ser revelado e conhecido? Neste livro, Gilberto Celeti nos relembra o significado e a beleza do Natal através de suas poesias.
O livro é um lançamento da Bunker Editorial, e você pode adquiri-lo AQUI.

Palavra Fiel Blog - Palavra de Deus para o seu dia!


Nos dias de hoje fala-se sobre os mais diversos assuntos, mas falar sobre a salvação parece que está ficando fora de moda.

As nossas igrejas estão totalmente focadas no bem estar do crente aqui na terra, que parecem que esqueceram, por completo, do sacrifício de Jesus Cristo.

Não que falar de outros assuntos não seja relevante, porém tudo é uma questão de prioridade....

Continue lendo o texto...



quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Poesia Evangélica

Poesia Evangélica


A TRAJETÓRIA DO INDIVÍDUO, livro de Fábio Ribas para download gratuito

Posted: 16 Dec 2015 01:00 AM PST

      

      
      O poeta e ensaísta mexicano Octavio Paz dizia que o homem é tempo, perpétuo movimento. Tal assertiva ocorreu-me ao avançar pelas linhas do livro A Trajetória do Indivíduo, de Fábio Ribas. Um livro onde o dito e o não dito interpenetram-se, trabalham juntos pela construção do Sentido, ou para que o leitor colha o sentido que, num jogo de chiaroscuro (para usar um termo das artes plásticas) goteja das metáforas e parábolas. E o mi(ni)stério da parábola aqui aflora como a relva dos campos, sobeja e farta; a psico-saga do autor em busca do Sentido é narrada através de madura poesia e prosa poética larga e prenhe de conotações, em voz cujo timbre lembra o Zaratustra nietzschiano, ou o André Gide de Frutos da Terra; mas, enquanto tais autores empreenderam o afastamento de Deus, equivocando-se em direção ao abismo, Ribas avança em caminho inverso, em busca de Redenção, escalando através de brumas e intempéries o cume da transcendência.
      Em sua jornada o autor vale-se do método socrático, dialógico, abraçando/confrontando interlocutores, que são como estágios de sua peregrinação. A linguagem velada/parabólica dá o tom de suas elucubrações, são os enigmas/signos de sua batalha mental e espiritual. E é gratificante acompanhá-lo em seu avanço, sua ascensão do vale do ateísmo ao monte da transfiguração, à sarça onde o Único Deus se revela aos olhos da finitude humana.
      Um livro assaz singular dentro de nossa literatura poética cristã, que surge para enriquecer o bastião de nossas letras.

Sammis Reachers

Leitura online ou download pelo Scribd - CLIQUE AQUI.
Leitura online ou download pelo Issuu – CLIQUE AQUI.
Leitura online ou download pelo SlideShare - CLIQUE AQUI.
Download pelo 4Shared - CLIQUE AQUI.

domingo, 13 de dezembro de 2015

Palavra Fiel Blog - Mais um estudo da Palavra de Deus

A vida nos proporciona algumas decepções e, muitas vezes, elas são decorrentes de atitudes de outras pessoas.
E, como seres humanos normais, temos muita dificuldade de perdoar alguém que nos tenha ofendido.
E esquecemos que o ódio não edifica, pelo contrário, ele destrói, pois a pessoa dominada por este sentimento acaba sofrendo muito.
Continue lendo o texto...

sábado, 12 de dezembro de 2015

Poesia Evangélica

Poesia Evangélica


Três poemas de Carla Júlia

Posted: 12 Dec 2015 01:00 AM PST

Ivan Guaderrama

Calvário

Vamos juntos
Subamos as escadas do vento
E deixemos os pés sobre as águas.
Vamos logo
Sobre a terra passar o teu cheiro
As tuas túnicas
deixemos às almas dos homens.


Tomé

Tive a voz presa
Em grilhões de dúvidas
Da cruz, o silêncio
Entrou em sintonia com a fé
Só me sobram estes olhos
Para crer nos cravos da Palavra.


As bodas

Diz-me oh espelho
Que vêem os teus olhos
Drenarei o meu corpo nestas saias?
Ou me lançarei nos braços

Do meu vestido de neve?


Carla Júlia é moçambicana, e reside na cidade de Maputo.


sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

[Confirmação de Exclusão] Abra meu último email pra você!

É muito triste te ver indo embora! Sério. 

Mas entendo que talvez agora não é a hora de manter um contato mais próximo, pelo menos por essa lista...

Saiba que o Gospel+ existe para ser um canal importante para o seu crescimento intelectual, ministerial e espiritual. E acreditamos que o conhecimento é uma das chaves para isso...

Portanto, gostaria de te convidar pra conhecer outros canais onde nossa equipe dedica centenas de horas todos os meses para te servir:

Leia Mais A Bíblia
Receba versículos bíblicos automaticamente e gratuitamente:


Mais Conteúdo
Receba gratuitamente conteúdo relevante:


Envie o SEU Conteúdo
O Gospel+ é um portal colaborativo. Se você tem algo a compartilhar com milhares de pessoas, aqui como fazer:

http://gospelmais.com.br/colabore


Agradeço muito sua participação pois é através dela que crescemos como sociedade. Precisamos de pessoas como você que influenciam outras através de palavras de crescimento. Precisamos de mais líderes dispostos a ajudar o próximo!

 

Um grande abraço!
Jonathan e Equipe...

Gospel+: Servir ao Pai, servindo seus filhos

Acredite : Jesus te ama


Jesus te ama porque que outra explicação teria um Deus deixar o seu trono de Glória só pra morrer em nosso lugar?. Já imaginou que Deus poderia destruir o mundo todo e reconstruí-lo novamente?. Mas poque será que ELE não fez isso?, Se bem que ELE já fez uma simulação de destruição total com o Dilúvio, porém ELE teve misericórdia de nossa espécie e deixou Noé e sua família para multiplicar e povoar a Terra novamente dando-nos uma nova oportunidade.
Depois de tantas guerras e pelejas enfrentadas por nossos Patriarcas na fé, Deus nos enviou o seu mais Poderoso e Generoso Presente que atende pelo nome de Jesus Cristo em meu idioma que é o Português,o qual veio nos libertar de nossas maldades que nos empurra para o abismo, porque em Jesus nós vemos o perfeito exemplo de conduta em toda a nossa maneira de viver, em tudo ELE nos deixou o exemplo mostrando também que a ideologia e conduta deste mundo esta completamente equivocada e que para realmente vivermos temos que nos mirar em seu exemplo, caso contrario nossa vida não passará de uma grande expectativa. Mas alguém pode me perguntar Jesus nunca foi casado, como pode ser um exemplo de bom marido? Ele nunca foi casado mas é Filho do Criador da humanidade e quem melhor do que ELE pra entender de ser ser humano?. Jesus nunca foi casado com uma mulher, mas ELE deixa o exemplo de amor para com a Igreja o qual não é muito diferente do amor que o um homem deve ter por sua mulher (família), dedicando-se a ela até as ultimas consequências.

Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela,Para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra,Para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível.Efésios 5:25-27

Não sei alguém já percebeu na leitura do Gênesis quando Deus diz: Façamos o homem a nossa imagem e semelhança, ELE não disse EU vou fazer o homem a minha imagem e semelhança, só o fato dele dizer façamos dá a entender que havia mais de um SER, o que pra mim significa que Jesus estava lá.


No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.Ele estava no princípio com Deus.Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez.Nele estava a vida, e a vida era a luz dos homens.João 1:1-4

Se depois disso tudo você ainda estiver com dúvidas , tire um tempinho para conversar com Deus, é isso mesmo conversar com Deus, ELE esta te observando agora aguardando esse lindo momento em que você finalmente vai falar com ELE.


Ah ! e com certeza ELE vai te responder.

Palavra de hoje

Hino 169 da Harpa cristã

Total de visualizações de página

Folheados



Seguidores